A importância dos educadores estarem conectados

Sabemos que é um pouco off-topic, pois este blog não é voltado especificamente à área pedagógica, mas achamos que valia a pena reproduzir trechos de um artigo, ou post, publicado no site ProXXIma. Segundo o artigo, “o portal OnlineColleges, que faz pesquisas com estudantes e universidades sobre o uso das novas mídias e tecnologia, debateu a importância dos professores estarem conectados e manterem a política de boas maneiras para uso nas redes sociais. Essa política de boas maneiras traz meios do professor utilizar sua ferramenta da melhor forma, integrando seus alunos, socializando (!) e tornando o seu perfil uma ponte entre estudantes e a instituição de ensino.”

Entre outros motivos, a discussão foi deflagrada pelo fato de um colégio ter suspendido uma aluna de 15 anos que criou um grupo de troca de informações sobre exercícios no Facebook. Entre as sugestões do portal, destacamos o uso do Facebook para tirar dúvidas dos alunos e como backup (avisos de cancelamentos de aula, por exemplo, e de material e questões para estudo). Criar uma fanpage da classe foi outra dica interessante.

Leia a matéria.