Este é o período do ano que mais de fala em cobrança.

0
9



Não precisava nem de crise global. Com  carnaval no início de Fevereiro, muita gente só vai “pensar na vida” na segunda feira 11 de Fevereiro. Pode ser que aí comece 2008 prá valer.

Os últimos dois janeiros 2006 e 2007 tinham surpreendido positivamente para a Cobrança. Ano passado Janeirão foi quase igual a Dezembro. Mas 2008 tá marrento. Quem está por perto de mim “gente que rala” que nem eu, ou está planejando para onde vai no carnaval, ou está roendo a unha diante da cotação da bolsa. Mas a maioria mesmo está na boa vida, de férias. Problema, sairam de férias os donos das empresas de cobrança junto com os clientes, talvez não para o mesmo destino, mas ambos não querem ouvir falar em cobrança ….. E no final do mês, o contratante vai ter que contar um monte de estórias para os Shareholders da vida ….

Se você faz parte do grupo “gente que rala” ou do grupo “saí de férias volto 11/02” complemente este blog, assim vai me ajudar a passar o tempo até que eu lance o “veja bem” para os Shareholders.

1 COMMENT

  1. Essa é a realidade do nosso país: em meados de novembro muita coisa já deixou de acontecer pois o Natal está chegando. Depois vem o Ano Novo e aí, só depois do Carnaval…

    Como um país pode almejar um crescimento real, se o carnaval é a referência para se realizar negócios, ganhar dinheiro, começar o ano?

    Sou gerente comercial de um contact center que também realiza cobrança e escuto, dos próprios contratantes, que o ano só vai começar depois do carnaval. Bem, esse ano ele vem mais cedo.

  2. Augusto você tem razão quando diz que os ultimos Janeiros foram quase um Dezembro. Penso que muitas variaveis devem ser observadas nesse inicio de ano: Como o inicio do ano brasileiro, sempre depois do carnaval, esse ano foi antecipado, temos diversos eventos concorrentes – Carnaval, IPTU, IPVA, Material Escolar… tudo a ser feito com o salario (curto) de Janeiro. Em anos anteriores foi possivel diluir esses compromissos até o real inicio do ano brasileiro, em torno de Março.

  3. Augusto, na verdade não tenho histórico suficiente para fazer uma comparação do mês de “Janeirão”, mas acredito que o carnaval no inicio do mês ajuda muito a turma de recuperação de crédito, como já é costume que o Brasil só começa a funcionar após o carnaval e fevereiro e um mês curto, acredita, que este ano é o ano de inovação para área de cobrança. Essas pessoas que estão férias vão voltar para a realidade, então, vamos ficar de prontidão para atendê-las e “arrumar soluções financeiras”.

  4. Realmente, lidero uma equipe de negociação e recuperação em uma operadora de planos de saúde e nós estamos sentindo que o ínicio desse ano foi alto o indíce de inadimplência.
    Acreditamos recuperar cerca de 90% até o final da segunda quinzena de fevereiro, esperamos que isso ocorra.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Previous articleFGV-EAESP promove seminário sobre varejo
Next articleA fusão Meta-Contractors