Mídias Sociais: as previsões dos especialistas para 2012

O pessoal do site Social Media Examiner ouviu 30 especialistas para
saber o que eles pensam sobre como as mídias sociais vão impactar os negócios
em 2012. Algumas previsões poderiam ser chamadas de óbvias, pelo menos para
quem está antenado no assunto. Outras, no entanto, já entram no campo do
surpreendente. E todas trazem contribuições importantes. Confiram as três
primeiras (até o final da semana, terei publicado todas).

#1: Os negócios consolidarão as
atividades de mídias sociais

 “A paisagem vai se tornar ainda mais povoada
em 2012, obrigando os negócios a escolherem suas batalhas e se dedicarem a
elas. Costumava ser simplesmente Facebook e Twitter, mas agora é Google+, LinkedIn, Facebook e Twitter (e quem sabe qual será o próximo). Ainda
por cima, você tem várias redes especializadas, como Foursquare,
Yelp
e Instagram.

O velho
mantra “esteja em todos os lugares” sera rapidamente substituído por “esteja
onde faz sentido para o seu negócio”.

Os quatro
maiores players estão preparando mudanças maciças e se preparando para a
batalha pelos usuários. Mas não deixe que uma nova embalagem brilhante seja a
motivação para se concentrar na rede social A ou B. Em vez disso, será
essencial focar-se onde você enxergar resultados. E pode ser que Facebook ou
Twitter não seja necessariamente isso para o seu negócio.”

Michael Stelzner, Social Media
Examiner

#2: Redes sociais de fotos e
vídeos florescerão

“Nós
viemos comendo pelas beiradas por um tempo, mas 2012 será o ano das redes
sociais multimídia. A interação social baseada em fotos e vídeos crescerá. Há
mais recheio do que casca em redes como Instagram e Viddy
e Tout,
e isso é que é o ponto fulcral das redes sociais-fazer e perpetuar conexões, e
ver o mundo através dos olhos de outras pessoas.

Eu não
espero que esses serviços destronem Facebook, pois muita gente não se sente
confortável com multimídia. Mas você já está vendo usuários poderosos reduzirem
suas intervenções no Facebook (e no Twitter) em favor de canais multimídia,
onde uma imagem (ou um video) fala mais alto do que 140 caracteres.

Dado que
a camera em seu smartphone é quase tão boa quanto sua camera real, as redes multimedia
estão aqui para ficar e serão uma força emergente para as marcas em 2012.”

Jay Baer,
autor do blog
Convince & Convert e coautor de The Now Revolution.