Mídias sociais: mais 5 previsões para 2012 (produtividade é o tema aqui)

Vamos continuar com as previsões dos especialistas em mídias sociais sobre como essa disciplina evoluirá neste ano que começa. Eles foram ouvidos pelo site Social Media Examiner. Nas 5 previsões a seguir, a questão principal são novos aplicativos e recursos para nos tornar mais produtivo (afinal, quem tem tanto tempo para tanta mídias sociais?). Vale a pena conferir.

#16: Ferramentas de mídias sociais mais inteligentes

“Em 2012, as ferramnentas de mídias sociais vai ficar muito mais inteligentes. Elas vão ajudar a dar sentido a nossas conexões sociais e nossos fluxos sociais. Ajudarão a maximizar nossa visibilidade e influenciar, ao mesmo tempo em que minimizarão o tempo dedicado. Bufferapp é um excelente exemplo disso. Uma ferramenta que pode gerar inteligência para quando os nossos seguidores e fãs estiverem mais provavelmente prestando atenção às nossas atualizações. Quando você publica conteúdo pela web via Buffer, o aplicativo irá distribuí-lo durante os períodos ótimos. Ou seja, é uma ferramenta de distribuição de conteúdo inteligente e pessoal! Esqueça a necessidade de agenda tweets e atualizações. Quem tem tempo para isso? Eu acredito firmemente que as pessoas que se dedicarem a aprender sobre as novas e mais efetivas ferramentas de mídias sociais ganharão uma significativa vantagem competitiva. Essas ferramentas tornarão você mais produtivo e aumentarão sua influência online, enquanto a concorrência ainda estiver tentando imaginar como ser consistentemente visível e valioso para seus mercados alvos. Encontre e concentre-se nas ferramentas que podem tornar você mais produtivo e competitivo em 2012!”

Stephanie Sammons é fundadora e CEO de Wired Advisor.

#17: Integração de novas práticas de consume de conteúdo

“A maneira como levamos nossos fluxos de notícias e mídias sociais está mudando rapidamente. As pessoas estão mudando para plataformas como FlipboardStorifyZite e outras em busca de curadoria de informação e ajuda no meio do ruído. Google, Facebook e Twitter também estão fazendo mudanças para ajudar os usuários a encontrar a informação que quer ler e bloquear o resto. Negócios buscando colocar seus conteúdos na frente do public alvo precisarão se adaptar a essas mudanças e às novas mídias. Isso significa 1) um esforço continuado para publicar conteúdo da mais alta qualidade que os leitores queiram compartilha, 2) um aumento ainda maior da importância dos títulos e imagens, e 3) criar uma sequência que leve seu conteúdo para o topo dessas novas plataformas. Da perspectiva do usuário, eu adoro a nova plataforma Flipboard para iPhone. Da perspectiva de um editor, porém, ela pode ser intimidadora. Dito isso, eu acho que essas novas plataformas recompensarão largamente o conteúdo que encontrar seu caminho para o topo.”

Jim Lodicoé redator e consultor de marketing, especializdo em criar conteúdo poderoso e ensinar a empresas como usar blogs.

#18: A “applification” das mídias sociais continuará

“Eu penso que veremos muitos mais aplicativos, “apps”, de mídias sociais em 2012. Para agregação, produtividade, entretenimento, comunicação e ebooks. Acessaremos em telas pequenas mais do que antes e com alguns toques, vamos postar e compartilhar conteúdo com pessoas que estão proximos à nossa geolocalização e também por todas as esquinas do mundo.”

Debbie Hemley é consultora de mídias sociais e blogueira.

#19: Mais aplicativos do Facebook para branding

“Eu penso que vamos ver mais empresas criando aplicativos de Facebook para alavancar o fee de notícias em tempo real dessa rede. Estou particularmente interessada em aplicativos de notícias tipo WSJ Social e The Washington Post Social Reader. Esses aplicativos podem funcionar como novas fontes de receitas ao criar oportunidade de publicidade dentro do Facebook. Estou curiosa para ver como os jornalistas digitais por trás do aplicativo navegarão no tema privacidade. Esse tipo de experiências no Facebook redefinie o consumo de notícias como uma atividade social e eu penso que será interessante prestar atenção aos novos aplictivos e às parcerias que surgirão.”

Janet Aronica dirige o marketing do Shareaholic.

#20: Mais serviços do tipo “faça tudo” serão disponibilizados

“Continuamos a ver ferramentas e serviços de mídias sociais ir e vir na batalha por nosso tempo e nossos dados. Gigantes como Facebook, Twitter e Google continuam a crescer, mas não de forma fácil. De mudanças nos designs e novos recursos a aquisições e completas reestruturações, temos assistido a barra subindo mais e mais enquanto essas grandes empresas compete pela nossa atenção. Google tem nosso email, documentos e agendamentos; Facebook tem nossas fotos, videos e família; e Twitter tem a melhor plataforma para os anunciantes se envolverem conosco. Acho que essa tendência continuará em 2012, com mais aquisições e remodelagens e alguns poucos novos aplicativos ganhando espaço social.

Corina Mackay é escritora e gerencia mídias sociais voltadas para entretenimento.