Relacionamento entre fabricantes e varejistas: receita de sucesso?



Na última conferência da toda-poderosa National Retailers Federation, agora em janeiro, foi apresentada o que seria uma tendência do setor: “collaborative engagement”, projetos colaborativos envolvendo fabricantes e varejistas. O motor do processo é o reconhecimento de que ou você se torna clientecêntrico, ou está fadado a desaparecer.


 


Na atual fase, segundo a apresentação da empresa DemancTec, na NRF, fabricantes e varejistas estão aprendendo a trabalhar juntos. E quem saiu na frente já está relatando resultados extremamente positivos em seus esforços promocionais.


 


DemandTec, Booz Allen Hamilton e a Trade Promotion Management Associates patrocinaram uma pesquisa sobre o assunto. A 2007 Promotion Collaboration Survey é a primeira tentativa de entender a otimização e a colaboração no campo promocional. Eu tenho o relatório em PDF. Se alguém estiver interessado, é só me mandar um email para [email protected]

Consultor de marketing e comunicação, especialista em marketing de relacionamento e programas de fidelidade.

1 COMMENT

  1. Interessante esta questão da colaboração entre fabricantes e varejistas, mas há muitas vezes o atacadista entre eles. E, salvo raras e honrosas exceções, o cliente varejista é do atacadista, não do fabricante. Há um nível a mais para ser integrado no processo, que já seria complexo se fossem apenas dois. Porém, independente da complexidade e dos níveis envolvidos, creio que a integração é o caminho. Quem não quiser segui-lo está fora do páreo e ainda não sabe.

  2. Esse relcionamento tem fundamental importância para o suceso de ambos. Essa preocupação deve ser constante, pois reflete diretamente na satisfação do consumidor, através da maior agilidade na entrega e na correção de possíveis erros. E, acima de tudo, pode se tornar uma excelente opertunidade de negócios para quem desenvolve e promove esse tipo de relação!

    PS: agora vê se responde o meu e-mail! rs…

    Abraços,
    Dario Machado

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Previous articleO banco do Qi
Next article2S foca em comunicações unificadas