PL que incentiva teletrabalho será apresentado na Câmara Municipal de SP

0
1

Resultado de quase um ano de debates entre o poder público, a iniciativa privada e associações ligadas ao setor, o projeto de lei que cria a Política Municipal de Incentivo ao Teletrabalho será apresentado nessa sexta-feira (14/09), na Câmara Municipal, a partir das 9h. Assinado pelo vereador Police Neto (PSD), o projeto prevê incentivos ficais para empresas que adotarem modalidades de trabalho à distância, seja em casa, ou em coworking.
Os incentivos, que incluem dois impostos diferentes, serão detalhados na apresentação do projeto. O objetivo da política é estimular o teletrabalho, contribuindo a redução dos deslocamentos, desafogando o trânsito e reduzindo a emissão de poluente. “A expansão do teletrabalho favorece a cidade como um todo. Se menos pessoas tiverem que se deslocar, além do ganho ambiental, a Prefeitura pode economizar nos deslocamentos dos ônibus, pois o valor das passagens soma mais de R$ 3 bilhões em subsídios por ano”, aponta Police.
Participaram da elaboração do projeto, ao lado da equipe do vereador, o Sintelmark, Sindicato Paulista das Empresas de Telemarketing, Marketing Direto e Conexos; a Brasscom, Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação; a SOBRATT, Sociedade Brasileira de Teletrabalho e Teleatividades; da ABRH, Associação Brasileira de Recursos Humanos; a ANTP, Associação Nacional de Transportes Públicos; as empresas Mutant, Elleven Tech e Home Agent; a Secretária de Trabalho e Empreendedorismo e a Secretaria de Finanças.