Armbrust é barrado de assumir a Contax

0
2
Já esperado por alguns profissionais do mercado, uma liminar concedida pelo juízo da 28º Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo impede, momentaneamente, Nelson Armbrust de exercer as suas funções de diretor presidente da Contax, cargo para o qual foi eleito em reunião do Conselho de Administração realizada em 04 de março de 2016. A liminar foi requerida pelo Grupo Atento, empresa da qual o executivo era, até então, presidente. A empresa alega que Armbrust assinou contrato com regras de confidencialidade e que o proíbem de trabalhar em uma concorrente no período de um ano. Em comunicado à Comissão da Valores Mobiliários (CVM), a Contax informou ainda que está tomando as medidas necessárias visando à reversão da medida judicial.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorClasse C x Crédito
Próximo artigoIoT e o setor financeiro