BI a favor das vendas

0
2



O desafio era grande quando a Aon Affinity Brasil decidiu adotar o Business Intelligence nas estratégias de televendas. A operação, que no começo de 2011 fazia 3850 vendas, em seis meses passou para 690. A direção definiu como meta para Heloisa Marinho, gerente de call center da Aon Affinity Brasil, manter a operação, reduzir custos e abrir novos negócios.”A partir desse desafio, fizemos reuniões com os canais, preparamos o call center, pegamos informações da base de clientes para utilizar no BI e definimos como iríamos utilizar essas informações”, revelou Heloisa, durante o Meeting Televendas Weekend.

 

A executiva contou que a empresa passou a usar o BI em todo o processo, desde a definição do perfil de público até a análise do stress dos registros. “Construímos pilares de geração de leads, com modelos de propensão, o que otimizou nossa performance”, explicou. No mês seguinte, a Aon já pulou para 2303 vendas. Em março desse ano chegou a 7214. “Tivemos uma evolução de 45% na performance”, concluiu.