Código de Ética da ABT

0
2

Em entrevista ao Meio e Mensagem, o presidente da Associação Brasileira de Telemarketing (ABT), Topázio Silveira Neto, informou que em fevereiro deve ser definida uma comissão que fará a adequação do Código de Ética da ABT, revisado em 2003, para a apresentação a parlamentares com o objetivo de transformá-lo em lei. Segundo o projeto inicial, essa comissão terá 90 dias para trabalhar, encontrando medidas punitivas para as empresas que desobedecerem às regras estabelecidas para o setor.
Ainda segundo Silveira, a partir de março a associação também deverá definir a empresa que ficará responsável pelo desenvolvimento de um serviço de ouvidoria que deverá ser colocado em atividade ainda este ano. O sistema funcionará como um centro de atendimento para receber reclamações de pessoas que foram alvo de ações de telemarketing fora das regras estabelecidas pelo Código de Ética da ABT, que serve como instrumento de auto-regulamentação da prática.
Fonte: Meio e Mensagem