Como a natureza ajuda a formar líderes?

0
1
Autor: Vanderlei Kichel
Os líderes representam grande parte do sucesso de uma empresa, alinhando os interesses da organização com o desenvolvimento, motivação e felicidade das pessoas. Mas, a maioria das empresas têm dificuldades para contratar e formar líderes e, apesar de muitos treinamentos, leituras, vídeos e conversas sobre o assunto, frequentemente há problemas com a equipe devido a falhas de liderança. Questões como “será que essa pessoa vai ser um bom líder?” sempre geraram dúvidas.
Na busca de respostas para essa e outras perguntas, surgiu o insight “mas de onde vem a liderança?” A liderança foi criada pela natureza na sua infinita sabedoria há milhões de anos, quando surgiu a necessidade da vida em sociedade. Ela existe para garantir a sobrevivência, a continuidade e a evolução do grupo social, tendo como sua essência a segurança, pois não existe grupo social sem líder. Um líder não se escolhe, mas é escolhido pelo grupo, sendo a pessoa que tem as melhores condições de garantir a proteção e defesa do grupo, tornando-se aceito pelo seu senso de responsabilidade e jamais para obter vantagens pessoais.
Além disso, a liderança é extremamente importante em nossas vidas, pois a segurança, o sucesso e a felicidade dependem diretamente dela, tanto para o líder, como para seus liderados.
A partir dessa percepção, surgiram diversas outras perguntas como, por exemplo, “por que a natureza criou a liderança?”, “Como a natureza cria seus líderes?” “há quanto tempo isso existe?” “É só com o ser humano ou isso também funciona com os animais?”. Percebi que ao responder essas perguntas em conjunto com gestores, é possível gerar conhecimento e desenvolver líderes de uma forma clara e poderosa: inspirada na natureza. Ou seja, fazendo as perguntas certas para a natureza.
A ideia desta prática é desenvolver líderes de forma colaborativa e prática para incentivar e ajudá-los a desenvolver suas habilidades. De que forma? Estabelecendo periodicidade de encontros com os gestores para debater sobre questões relacionadas a liderança e, a partir daí, colocar em prática a tarefa abordada. Refletindo juntos sobre o assunto, os gestores se sentem à vontade para falar sobre suas dúvidas e situações vivenciadas no dia a dia. Além disso, as pessoas podem compartilhar suas experiências e conhecimentos, fazendo desses encontros um momento de aprendizado.
Aqui, minha intenção é disseminar esta ideia e mostrar para as empresas o quanto a capacitação e o aperfeiçoamento de seus líderes podem fazer a diferença na vida da empresa e o quanto isso traz de benefícios em comum para todos.
Acredito também que o primeiro passo para o desenvolvimento saudável de uma empresa é a escolha das pessoas certas, seja os membros de equipes ou seus líderes. Com as pessoas certas, as políticas de liderança ficam muito mais fáceis de serem aprendidas e praticadas, seja em uma pequena ou grande empresa, desde que o desejo de aprender e evoluir seja um pensamento compartilhado por todos.
Uma equipe motivada e liderada de forma excepcional pelos gestores promovem o atendimento baseado no cliente, além da alta performance na capacidade de entrega e frequente inovação. Essas iniciativas devem acontecer tendo como princípio a valorização do capital humano. Seja para colaboradores, clientes, fornecedores ou parceiros, o propósito  é “fazer a diferença na vida das pessoas”.
Vanderlei Kichel é CEO da SetaDigital.