Como conquistar os colaboradores?

0
12
A liberdade de atuação em uma PME tem relação direta com o engajamento dos funcionários, afirma pesquisa desenvolvida pela MSW Research para a Dale Carnegie Training. Segundo o levantamento, 64% dos funcionários de pequenas empresas do mundo todo estão parcialmente ou totalmente desengajados. O número é menor, se comparado aos funcionários de grandes empresas, onde 71% dos colaboradores são total ou parcialmente desengajados, mas ainda assim é alarmante. Com base nos resultados da pesquisa, a Dale Carnegie Training apontou alternativas para gestores de PMEs motivarem os funcionários.
Enquanto o engajamento, em grandes empresas, é bastante relacionado à atuação do gerente ou do chefe direto, em pequenas companhias a inspiração do funcionário fica condicionada à independência e no impacto que o trabalho traz aos resultados da empresa. Por isso, a empresa coloca como importante que o gestor, que no caso das PMEs geralmente é o dono da empresa, saiba mostrar para os funcionários o peso que seus trabalhos têm na produtividade da empresa. Eles também devem saber valorizar as tomadas de decisão do colaborador, para que ele se sinta independente e seguro para dar o melhor de si.
Outro ponto apontado como um diferencial pelos funcionários engajados de PMEs é a questão da confiança. Entre os profissionais mais inspirados, a relação de confiança com o chefe e nos valores da empresa é um dos sentimentos mais importantes para manutenção da inspiração. Além disso, segundo o levantamento, 70% dos funcionários se sentiram bastante engajados, mesmo em períodos de crise porque a empresa se mostrou confiante no trabalho que eles estavam fazendo. O ensinamento e os treinamentos em ocasiões de necessidade também são apontados como um incentivo importante ao engajamento.