Dígitro reforça ações para gestão de pessoas

0
3



As ações que priorizam o capital humano são fundamentais para a retenção de talentos nas áreas estratégicas da empresa. A partir disso, a Dígitro direcionou atenção a programas de desenvolvimento dos colaboradores, como a ampliação do benefício concedido no Programa Educação Continuada, que oferece bolsas de estudo para cursos de graduação, pós-graduação, MBA, certificações e especializações em geral, com carga horária mínima de 280 horas. Em 2012, os    alunos que  obtiverem as melhores notas ganham uma mensalidade 100% reembolsada ao final do semestre, de acordo com a política do Programa.

 

Além de valorizar o capital humano, o programa estimula o crescimento intelectual do público interno da empresa, melhorando diretamente a qualidade dos serviços oferecidos, como avalia Mariana Polli, gestora de RH da Dígitro. Segundo a executiva, a área de treinamentos também receber atenção especial ao longo do último ano. Na comparação com 2010, a Dígitro aumentou em 78% a quantidade de horas de treinamento oferecidas aos colaboradores, resultando em um aumento na capacitação e preparação desses profissionais. “O retorno das diversas iniciativas que promovemos ao longo desses anos está refletido no ambiente profissional da empresa.”, explica.

 

Outras iniciativas
Outro programa bem recebido foi o Portas Abertas, que possibilita a integração das famílias dos colaboradores com o seu ambiente de trabalho. “Os resultados são muito positivos, pois a nossa sede é uma construção diferente, com muitas características e recursos sustentáveis, e isto desperta a curiosidade das pessoas.”, comenta  a gestora. O Portas Abertas já ganhou duas extensões: Acadêmico, que recebe estudantes de universidades catarinenses, inscritos nas disciplinas ligadas às áreas de atuação da Dígitro, e Comunidade, que teve início em 2011 e promoveu visitas dos moradores vizinhos ao edifício matriz da empresa. “Na ocasião, a Dígitro pôde mostrar, não apenas um crescimento nos negócios, mas, principalmente, uma evolução responsável, que reduz significativamente o impacto negativo no meio ambiente”, explica Mariana.