EDS adota novo modelo de gestão financeira

0
2

A EDS Brasil implantou um plano de mudanças organizacionais na área de finanças, com destaque para a introdução do conceito de FLC (Finance Leverage Center), centro de competência em planejamento financeiro e desenvolvimento de novos negócios. Com o novo modelo, a empresa pretende aperfeiçoar seu desempenho nesta área, almejando a exportação destes serviços para outras unidades da companhia, especialmente da América Latina e Estados Unidos.
A criação do FLC envolveu a formação de uma central com uma equipe especializada em finanças, para atender aos vários contratos e unidades de negócios. Antes, cada líder contava com um analista específico para sua área. O FLC diferencia-se também pelo serviço de help desk, que agiliza a resolução das dúvidas e dificuldades que surgem no dia-a-dia dos executivos. As chamadas são atendidas por profissionais formados em ciência da computação e matemática, bilíngües e treinados em finanças. Em seguida, são registradas no sistema de controle de gestão e, se necessário, direcionadas para os especialistas que melhor dominam o tema questionado.
Foram criados ainda recursos na Intranet, como website, e-mail e ferramentas que permitem a análise comparativa e o rastreamento de informações, a fim de facilitar o trabalho dos gestores e o acesso a esclarecimentos e soluções de problemas. Algumas das ferramentas desenvolvidas no Brasil estão sendo utilizadas, inclusive, em outras unidades da empresa na América Latina.
Segundo Mauro Guaraciaba, vice-presidente de finanças, entre os benefícios do novo sistema estão maior agilidade e facilidade de comunicação, redução de custos em cerca de 25% e padronização dos processos. Ele ressalta também o maior equilíbrio no suporte às contas, oferecendo-se o mesmo nível de qualidade no atendimento a todas, e a integração entre os analistas, que facilita a troca de informações e experiências e acelera a busca de soluções.
Além disso, cada gestor torna-se mais atuante e responsável por seus resultados financeiros, exigindo-se dele um perfil mais desenvolvido neste segmento. Por meio de ferramentas da Intranet, ele próprio pode fazer o lançamento contábil de sua área, que será depois conferido pelo FLC, por exemplo. Para adquirir maior capacitação em finanças, os gestores contam com o apoio da EDS University.