M2G adapta CRM para área de saúde

0
2
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) divulgou informações que apontam o crescimento no número de reclamações referentes ao Gerenciamento das Ações de Saúde em 2015. Para atender esse grande nicho, a M2G apresenta uma nova versão de seu CRM, criado especificamente para reduzir a abertura de Notificação de Investigação Preliminar (NIP), que são ocorrências abertas e analisadas pela ANS. Com este sistema, o objetivo é proporcionar para as empresas mais agilidade e facilidade na hora de resolver demandas, com base nos prazos da ANS.
Com mais de 60 contas de companhias do setor de saúde na carteira, a M2G tem como meta melhorar a qualidade de gestão das operadoras perante o rol de procedimentos e seus respectivos prazos estipulados pela agência reguladora. “Nos empenhamos em desenvolver nossa plataforma de CRM para facilitar a gestão de solicitações de prestadores e beneficiários, controlar faróis de prazos ANS de forma visualmente simples e fornecer painéis de acompanhamento na medida certa para cada supervisor ter as informações necessárias em tempo real”, comenta Fernando Arrais, gerente de marketing e produto da M2G.
A versão da plataforma faz uso de uma linguagem simples e dinâmica, no qual as ocorrências são simbolizadas por um “farol de cores” que ajuda a identificar e monitorar as prioridades, de acordo com os prazos estabelecidos pela normativa da ANS, interligando todos os dados disponíveis do cliente e proporcionando controle das demandas aos supervisores de operações de atendimento. As companhias que não cumprirem as normativas impostas pela ANS podem ser multadas em até R$100 mil, além de serem proibidas de comercializarem novos planos, recebendo, em alguns casos extremos, uma intervenção administrativa.