Nec muda estratégia de atuação

0
2

Hoje, a Nec do Brasil, empresa de tecnologia, anunciou mudança no seu foco estratégico. A empresa que ficou conhecida por atuar na fabricação e implantação de produtos e serviços para redes de telefonia fixa e móvel, passa a ser integradora de soluções e gerenciadora de projetos. Esse processo começou há dois anos, com a terceirização da linha de produção, enxugamento e renovação do quadro de pessoal, racionalização dos processos internos e renegociação dos contratos, sentindo-se hoje totalmente incorporada nessa nova fase.

“Pretendemos direcionar a Nec para outras áreas, como por exemplo, em telecomunicações. A empresa estará focando nos segmentos de dados e IP em banda larga”, explicou Paulo Castelo Branco, presidente da Nec do Brasil. Para auxiliar na sua nova atuação, a empresa terá uma rede de parceiros com competências complementares, expertise em gerência de projetos, em tecnologia da informação e no desenvolvimento de softwares.

Com essa reestruturação das áreas de atuação, a empresa resolveu apostar no segmento governamental. A idéia é atuar no desenvolvimento e implantação de soluções globais para administrações públicas. Para isso, reforçou sua parceria com a Nec Argentina, que implantou uma plataforma de governo eletrônico na Província de San Luis. A solução Nec compreende aplicações de infra-estrutura e de serviços. No Brasil, o pensamento da Nec quanto a esse segmento é que, “na esfera federal, só haja a possibilidade de implantação caso o governo faça a inclusão digital que foi anunciada, já na esfera estadual a aceitação é mais fácil, tanto que há um estado interessado”, diz Herberto Yamamura, diretor de negócios.

A empresa aproveitou para falar também sobre sua situação no mercado. A Nec, que desde 1998 não obtém lucro, espera mudar esse quadro. “Nesse segundo semestre, a empresa vai fechar com saldo positivo, e todos os contratos de serviços assinados esse ano já são resultados dos novos negócios”, completa Hirami Furumoto, diretor de controle e finanças.