Paixão pelo que faz

0
12
Há um ano e seis meses atuando como operadora de telemarketing, Gilcimara de Freitas Borges entrou na área pela acessibilidade de horários e oportunidades de crescimento profissional. E não se arrepende. Hoje, ela ama o que faz pelo desenvolvimento que a atividade possibilitou. Ela conta que é um desafio a ser conquistado diariamente, pois sempre tem várias oportunidades de melhorias. “Simplesmente amo trabalhar na função, porque cresci 100% como pessoa e pretendo melhorar cada vez mais como profissional”, conta a agente BO Anatel da Oi – BT Call Center.
Esse cenário é resultado do trabalho de valorização desses profissionais desenvolvido pelo mercado. “Participamos de muitos eventos de boas práticas e estamos vendo um grande movimento das empresas para valorizar e reconhecer esses profissionais”, comenta Márcia Pollard, diretora executiva Oi – BT Call Center, que serve como exemplo. Segundo a diretora, a empresa acredita que a melhor forma de valorizar é reconhecer os operadores diariamente, seja com palavras de incentivo, um brinde ou grandes premiações. “O operador precisa entender que o trabalho dele faz a diferença e que o sucesso da empresa está grande parte nas mãos dele.” A empresa tem uma equipe de 17 colaboradores full-time para gerar motivos para o colaborador estar motivado.
A executiva explica que a motivação vem de cada individuo e só ele pode se motivar, mas a empresa pode dar argumentos para que estes se sintam motivados. “São esses argumentos que nossa equipe busca todos os dias, demonstrando por meio dos eventos, mídias internas e premiações como é bom trabalhar na Oi – BT Call Center e como o trabalho pode ser prazeroso e divertido”, pontua Márcia. No Dia do Operador, comemorado amanhã, não será diferente. A empresa está preparando uma programação especial com atrações de entretenimento, sorteio de brindes, entre outras ações. “Nesse ano o nosso discurso está linkado com a copa e a “estrela” da nossa seleção são os operadores.”