Qualify presta consultoria sobre gestão de relacionamento

0
2

A Qualify, que atua em recursos humanos para call center e telemarketing, ingressa em nova fase e oferece serviços de consultoria. A empresa saltou de um faturamento de R$ 1,5 milhões em seu primeiro ano de atividade, para R$ 10 milhões no ano passado. Agora quer fechar 2001 com um faturamento de R$ 14 milhões apostando em um novo segmento.

Na realidade, o serviço é uma oportunidade estratégica que começamos a detectar em nossos tradicionais e potenciais clientes, explica a fundadora e diretora da Qualify, Anna Luiza Martin. Além de oferecer suporte na contratação, treinamento e gestão terceirizada de equipes, a empresa vai oferecer desde a definição estratégica de um call center ou contact center até a total gestão da operação.

Segundo a diretora, esta é uma necessidade das empresas que não possuem, como core-business, a área de atendimento a clientes. Os projeto devem ser estruturados a partir da necessidade do cliente, identificando os fornecedores e o modelo de gestão operacional mais adequados. Queremos manter independência em relação aos players, estabelecendo parcerias que agreguem valor aos clientes, pondera Anna Luiza. O foco é apoiar as empresas em todo o processo para atender e manter clientes. Vamos nos posicionar como empresa de soluções de relacionamento com especialização em recursos humanos.

A empresa irá planejar, estruturar e dimensionar projetos de relacionamento, por meio de diversos canais de comunicação como e-mail, chat, fax, face a face e o tradicional telefone, além de contratar, capacitar e gerir suas equipes. A Qualify deve buscar alianças para oferecer soluções integradas aos clientes.

A Qualify possui, entre seus clientes: Accor, Amil, Banco Itaú, Banco 1.net, Bradesco Seguros, Folha de S. Paulo, Lloyds Bank, Ponto Frio, Roche, Shell, Souza Cruz, Telemar e Unibanco, entre outros.