Radiografia: quem é a Sixbell?

0
3



A Sixbell, fundada há 23 anos, fechou 2011 com crescimento superior a 20%, obtendo faturamento de US$ 35 milhões, envolvendo todos os mercados em que atua – Brasil, Chile, Colômbia e México -, comemora o presidente da companhia, Pablo Pumarino.

 

A empresa possui dois centros de desenvolvimento na região que são dedicados ao desenvolvimento de sistemas próprios e implementação de soluções na divisão enterprise. Entre os serviços que puxaram os negócios ano passado foram o lançamento de sistemas comercializados como serviços (Caas) de call center, hoje com mais de mil posições de atendimento, e o sistema de biometria de voz, com três bancos como clientes na região. A novidade, para 2012, é ofertar soluções na nuvem com objetivo de atender operações com atendimento em alta escala.

 

Hoje apontada como a principal empresa do País em sua atividade, iniciou com soluções dedicadas ao mercado de telecom, com desenvolvimento de sistemas para gestão de operações de telefonia pré-pago. A operação brasileira, com 13 anos, está baseada neste negócio e representa pouco mais de 20% do faturamento da companhia. O objetivo, porém, é ampliar a atuação da área Enterprise, de acordo com Marcus Loureiro, diretor geral da filial Brasil. Para ele, o crescimento da operação brasileira envolve a atuação de gestão de clientes e onde identifica potencial também para a adoção de soluções de biometria, além de outros segmentos como o financeiro.