1Planning aposta em soluções integradas

0
1

A1Planning, provedora focada em soluções corporativas de mobilidade, acredita que poderá crescer 40% em 2004. A empresa, que em 2003 faturou R$ 1,5 milhão, aposta suas fichas no mercado de Mobile Business (MB), que deve amadurecer este ano e as empresas voltarão a investir em TI com maior consistência no segundo semestre.
“Conseguimos ótimos resultados com projetos de automação para empresas de diversos segmentos até o momento. Este ano, a estratégia é intensificar a comercialização de ferramentas no modelo serviços, em que o cliente paga somente pelo que utiliza”, afirma Ronaldo Ribeiro, diretor de novos negócios da 1Planning.
Metade do aumento da sua receita para 2004 deve ser decorrente das ofertas de soluções on demand.

“Apostamos nesse tipo de comercialização desde 2002. Com esse modelo de vendas, o maior beneficiado é o próprio cliente, pois não há a necessidade de se investir em compra de hardware, software e licenças”, diz Ribeiro. Ainda de acordo com o executivo, as empresas pagarão somente pelo que usarem, o que trará a possibilidade de utilizarem o capital operacional de outra forma.
Gestão inteligente das informações
A revolução nas telecomunicações e os avanços dos equipamentos eletrônicos portáteis fizeram surgir um leque de possibilidades de utilização da tecnologia móvel. De olho nesta fatia de mercado, a provedora oferece várias soluções para tecnologia móvel e wireless, que vão desde sistemas de captação e acompanhamento de pedidos eletrônicos de vendas até automação de processos de treinamento por meio de pesquisa e avaliação da força de vendas.
“Buscamos agilizar os processos repensando-os na forma de conduzir, gerar e usar as informações. Nosso intuito é ajudar o cliente a montar o quebra-cabeça dos dados para gerar informações valiosas à empresa, seja por meio de pocket PCs, handhelds ou celulares”, explica Ribeiro, acrescentando que os produto oferecidos por sua empresa “dinamizam as análises de Customer Relationship Management (CRM) e inteligência de Mercado”.