Ações bem planejadas

0
3



Utilizar uma plataformas para facilitar o planejamentos é uma atividade comum no mundo empresarial, logo, por que não definir, a partir desta, compromissos sociais e ambientais? Esta foi a decisão da AES Eletropaulo, que deixou a gestão da plataforma a cargo de uma equipe de seis profissionais especializados em comunicação e sustentabilidade.

 

“Desenvolvida com a consulta e participação de mais de 130 stakeholders entre representantes dos colaboradores, clientes, fornecedores e sociedade civil organizada, a Plataforma de Sustentabilidade apresenta um conjunto de diretrizes alinhadas ao planejamento estratégico que influenciam todos os processos da organização”, explica Luciana Alvarez, gerente de comunicação externa e responsabilidade social da AES Eletropaulo.

 

A partir do que foi definido pelo grupo de profissionais, a companhia passou a desenvolver projetos de alerta de uso consciente de energia. Com isso, após a participação no projeto da AES Eletropaulo, foi constatada uma redução de 13% no consumo de energia elétrica pela comunidade. Além disso, a empresa também desenvolve ações de tratamento de águas negras, compensação de emissão de CO2, coleta seletiva, renda revertida a ação social infantil.

 

Entretanto, a AES Eletropaulo vivencia um cenário diferenciado em função de sua atividade principal. Por ter a concessão de um serviço público para distribuição de energia elétrica na região metropolitana de São Paulo com particularidades no contrato, a empresa desempenha suas atividades desprovida de concorrência e, por isso, não pode indicar se as iniciativas de gestão sustentável lhe conferem um diferencial competitivo na fidelização de clientes. “Esse cenário, entretanto, não isenta a companhia de compartilhar sua expertise para a gestão de recursos energéticos com a sociedade”, explica Luciana.