Banda larga cresceu 660% nos últimos anos

0
8


O serviço de banda larga residencial cresceu 660% no Brasil nos últimos três anos. Somando-se todas as cidades com acesso a banda larga por redes ADSL ou de TV paga (acesso por cable modem), são 1.923 atendidas, o que representa quase 20% a mais do que em 2005. Em novembro de 2006, o serviço de banda larga no Brasil chegava a atingir 135,8 milhões de pessoas, o equivalente a 72,4% das cidades brasileiras.

Nos últimos anos, a cobertura das teles para esse mercado se expandiu muito, assim como a base de assinantes. Em 2003 existiam 251 cidades com serviços de banda larga. Em 2005 esse número cresceu para 1.606, apresentando um aumento de 640%. Em 2006 o crescimento foi de 20%. O total, em três anos, foi de 660%. Esse dado encontra-se consolidado no Atlas Brasileiro de Telecomunicações 2007, da revista Teletime, que analisou informações da Anatel, das operadoras e dados sócio-econômicos.

O Atlas 2007 mostrou ainda que exista uma clara vantagem, na briga pelo usuário de banda larga, em favor das teles. Até outubro de 2006, elas têm cerca de 3,9 milhões de assinantes, o que significa que elas conseguem um índice de penetração de 9,6% sobre o total de domicílios cobertos pelas suas redes, ou 32% de penetração, se considerar apenas os domicílios A e B (principal mercado de serviço de ADSL).

Já as operadoras de TV por assinatura, com cerca de 1,1 milhão de assinantes do serviço de acesso à Internet, tem uma penetração de 5,7% dos domicílios cobertos pelas suas redes onde há a oferta do serviço. Considerando apenas os domicílios classe A e B, este percentual sobe para 15,4%. A diferença de eficiência entre o cabo e o ADSL, contudo, diminuiu de 2005 para 2006, o que mostra que as operadoras de TV por assinatura estão mais agressivas.

Entre as principais operadoras de banda larga, o grande destaque de cobertura é a Brasil Telecom, que expandiu ainda mais a rede ADSL (para o serviço BrTurbo) em relação a 2005 e chega a 1.274 municípios. A Telefônica (com o Speedy) também expandiu a rede em 2006, chegando a 346 cidades, assim como a Telemar (com o Velox), que chega a 221 localidades.