Black Friday consolidada

0
7
A Black Friday já está consolidada no calendário nacional. É o que indica pesquisa do Mercado Livre com o Ibope Conecta, sobre o comportamento de compra do consumidor para a data. Entre os 1007 entrevistados pelo instituto no período entre 11 e 17 de novembro, 834 pessoas (83%) afirmaram que farão compras na próxima sexta, dia 24. E quase todo esse montante (93%) já está programado financeiramente para realizar suas compras. Mais da metade dos respondentes que recebem décimo terceiro salário (85% das pessoas com intenção de comprar na Black Friday) usará este benefício na próxima sexta-feira: 8%, de maneira integral (100% do décimo terceiro), e 50%, parte dele. Os 42% restantes utilizarão o décimo terceiro para outros fins.
O planejamento em relação ao que comprar na Black Friday também é uma característica entre os interessados na data. Segundo o estudo, 63% deles disseram já estar preparados sobre o que comprar. Desse total, 36% disseram estar preparados há 1 mês; 30%, há 2 meses; e 29%, há três meses. Metade deles pretende aproveitar a Black Friday para antecipar as compras de Natal.
A pesquisa revela ainda que a categoria de celulares é a mais desejada por todos, como já vem acontecendo nos últimos anos. A categoria foi a mais mencionada entre os consumidores que farão compras na Black Friday, com 93%; seguida pela de Eletrodomésticos e Linha Branca (88%). Moda e Produtos para Casa também tiveram uma boa quantidade de menções, com 85% e 82%, respectivamente.
Neste ano, 38% pretendem gastar entre R$ 500 e R$ 2 mil. Uma parcela de 10% pretende gastar bem menos: entre R$ 100 e R$250. 7% pretendem gastar entre R$ 250 e R$350;  13%, de R$ 350 a R$ 500; e 10%, mais de R$ 2mil. Além disso, 40% dos entrevistados comprarão até 3 produtos na promoção; 22%, no mínimo 4; 6% comprarão apenas 1 produto. Os 38% restantes ainda não se decidiram sobre a quantidade de itens. Sobre a forma de pagamento, 37% pagarão suas compras à vista; e o restante (63%), de forma parcelada, no cartão de crédito, sendo que a maioria pretende parcelar a compra em três vezes (23%).
 
“A pesquisa confirmou o que todo o varejo já vinha sentindo: a Black Friday se consolidou como uma das principais datas para o setor. O consumidor já está habituado com as promoções e por isso, vem cada vez mais cedo planejando seu orçamento e monitorando os produtos para garantir uma boa compra”, declara Cristina Farjallat, diretora de marketplace do Mercado Livre no Brasil.
E-COMMERCE
Apesar de já estar se tornando uma promoção forte nas lojas físicas, a maioria dos entrevistados percebe a Black Friday como uma promoção da Internet: 48% afirmaram que farão compras na data somente online; 42% farão em ambos os meios (online e offline); e uma parcela de 10% farão compras apenas de maneira offline (lojas e/ou shoppings).