Blogs corporativos ainda não são realidade no Brasil

0
2


Os blogs estão mudando as relações pessoais, assim como os negócios, a política, a carreira e até mesmo a cultura. Uma tendência transformada em fenômeno nos Estados Unidos, os “diários da Internet” estão também conquistando cada vez mais espaço nas empresas brasileiras, porém com presença ainda restrita. Para detectar quais as principais apostas das companhias quando o assunto é blog corporativo, foi desenvolvida uma pesquisa por iniciativa da Rapp Collins, que aponta que poucas empresas utilizam no Brasil os blogs e as redes sociais de relacionamento nas estratégias de comunicação e marketing.

Para a obtenção dos dados, foram ouvidas 1008 empresas entre agosto e setembro de 2006. Um dos pontos relevantes apresentados pela iniciativa é que 0,54% das empresas possuem blogs próprios e apenas 2,62% capturam dados dos clientes nos blogs externos à empresa e nas redes sociais de relacionamento.

“Estamos vivendo um momento do surgimento do novo consumidor, que está em todos os lugares ao mesmo tempo. O ambiente mudou e, agora, os internautas estão mais conectados do que nunca. Porém, apesar das inúmeras maneiras e ferramentas de interagir com os consumidores, os blogs ainda não são uma realidade nas empresas brasileiras que estão, aos poucos, aderindo à novidade”, afirma Ricardo Pomeranz, sócio-presidente da Rapp Collins Brasil.

Um exemplo disso é que, de acordo com os números obtidos pela pesquisa, apenas 5,55% das empresas que desenvolvem ações de relacionamento com os clientes, fazem campanhas utilizando as redes sociais de relacionamento. A pesquisa apontou ainda que, dentre as empresas que mantém blogs, 20% contrataram um funcionário exclusivamente para desenvolver esta ferramenta; 20% contratou uma pessoa ou empresa externa para responder em seu nome; e 44% utilizam a participação dos próprios funcionários. Além disso, a iniciativa aponta a liberdade das empresas para o desenvolvimento deste conteúdo, já que 8% das companhias pesquisadas permitem que pessoas de fora da empresa alimentem o blog sem restrições e ainda 8% oferecem incentivos não financeiros para pessoas/empresas externas.

“Apesar de 70 mil novos blogs serem criados em média por dia, esta ferramenta é ainda uma novidade para as empresas, que estão acostumadas com os processos convencionais de comunicação. As companhias querem entender de fato como se dará o controle das informações postadas no blog e garantir que a mensagem seja passada ao público com o conteúdo e forma desejados”, completa Pomeranz.