Caem as consultas ao SCPC

0
3


O número de consultas ao Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) diminuiu 0,4% na primeira quinzena de julho deste ano sobre o mesmo período do ano passado. Já as consultas ao UseCheque, também na comparação entre as primeiras quinzenas de julho de 2006 e de 2005, cresceram 4,7%. Já o número de registros recebidos no cadastro de inadimplentes do SCPC cresceu 2,8% na primeira quinzena do mês, contra 7,7% entre os registros cancelados.

O superintendente de Economia da ACSP, Marcel Solimeo, explica que a desaceleração do movimento do varejo em São Paulo ocorreu por conta de fatores como a antecipação de compras dos televisores, a eliminação do Brasil na Copa e também a elevação da temperatura, que afetou as vendas de confecções e calçados. “Sobre a Copa do Mundo, a antecipação da venda de tevês e a eliminação do Brasil prejudicaram diversos produtos, além de influir negativamente no ânimo dos consumidores. Precisamos considerar ainda que em julho não temos nenhuma data promocional que ajude nas vendas”.

Para o economista, o baixo número de inclusões e o maior aumento das exclusões são positivos. “Mesmo assim não podemos projetar a inadimplência do mês com base nos dados da primeira quinzena, que são muito sujeitos a alterações. Esperamos a recuperação do movimento do varejo em agosto, com o Dia dos Pais, e mais uma redução da taxa Selic, que deve ocorrer esta semana, além das ofertas e liquidações que o comércio deve realizar”, adianta Solimeo.