Cai número de cheques sem fundo

0
13


As inclusões de cheques sem fundo no Brasil no mês de fevereiro de 2009, comparado com igual período em 2008, registraram queda de – 5,5% para as pessoas físicas, ou seja, para os consumidores. Já os cheques emitidos por pessoas jurídicas, ou seja, pelas empresas, subiram + 21,2% mostrando que as empresas começam a sentir os efeitos da crise financeira internacional, nos seus caixas. Vale ressaltar que o mês de fevereiro deste ano teve um dia útil a menos, do que em 2008 (bissexto), o que colaborou para a queda nos cheques emitidos pelos consumidores. No caso das empresas, a crise internacional teve impacto muito maior, mesmo descontando o efeito calendário.