Cisco investe US$ 200 milhões em plataforma IP

0
0

A Cisco Systems anuncia a aquisição da P-Cube Inc. A empresa opera com o desenvolvimento de plataformas de controle IP, que auxilia os provedores de serviço a identificar assinantes, classificar requerimentos, melhorar performances de serviços e na cobrança de múltiplos serviços IP, sem custos de atualização de infra-estrutura. Com a nova tecnologia, a Cisco oferecerá capacidades maiores de controle de gerenciamento serviços IP como, por exemplo, VoIP, jogos interativos, vídeos e outros serviços diferenciados.
De acordo com os termos de compromisso, a Cisco pagará US$ 200 milhões em dinheiro e ações. A conclusão do processo ocorrerá até o final do primeiro trimestre fiscal da Cisco, no final de outubro de 2004.

“Novos serviços como o reconhecimento de assinantes, e outras soluções que a P-Cube fornece, possibilitarão aos nossos clientes uma diferenciação e um melhor controle dos dados. A aquisição mostra nosso comprometimento com os provedores de serviço em desenvolver e trazer inteligência para as redes IP”, diz Mike Volpi, vice-presidente sênior de Roteamento da Cisco.
Atualmente, milhões de assinantes se conectam de várias maneiras a uma vasta gama de serviços. Os provedores demandam cada vez mais por flexibilidade em sua infra-estrutura, que só pode ser realizada se tecnologias avançadas forem adicionadas.
A tecnologia da P-Cube fornece inspeção profunda de pacotes de dados, mantendo a qualidade dos serviços, além da rapidez na atualização da infra-estrutura conforme a demanda exige. Até o final do processo de compra, o time da empresa reportará ao executivo Panjak Patel, vice-presidente de Banda Larga e roteadores de médio porte da Cisco. A P-Cube foi fundada em 1999 e tem 118 funcionários.