O canal para quem respira cliente.

Comunicações móveis confiáveis

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

A Nortel e a Wireless Valley® Communications anunciaram hoje a iniciativa conjunta de comercialização da solução MeshPlannerT, ferramenta de planejamento que otimiza projetos de rede wireless mesh. Com a ferramenta MeshPlanner, os projetistas de redes podem garantir uma cobertura de serviços superior, bem como acesso seguro à rede, objetivando mobilidade integrada, por toda uma cidade ou campus, além da redução dos custos de planejamento e implantação.
Ajustada à arquitetura da tecnologia de rede wireless mesh da Nortel, a MeshPlanner confere a projetistas a capacidade de simular uma solução de rede mesh, usando um modelo computadorizado da área de instalação. Examinando o impacto causado por obstáculos, a exemplo de prédios, garagens e vegetação sobre as transmissões wireless, a ferramenta MeshPlanner agiliza a instalação da rede e, ao mesmo tempo, garante excelentes características de flexibilidade, redundância e desempenho.
Muitas vezes, uma área de serviço de uma rede wireless mesh cobre centenas de acres. Obstáculos levantados pelo homem e pela natureza também devem ser considerados nos projetos, o que pode ser oneroso e demorado, além de resultar em imprecisões problemáticas quando se utilizam métodos de planejamento manuais. A modelagem computadorizada e precisa de uma determinada área, feita pela ferramenta MeshPlanner, elimina o trabalho de adivinhação no planejamento, ao recomendar a localização dos pontos de acesso wireless (AP), tendo como objetivo a maximização da cobertura e a facilidade de instalação. O modelo também faz uma previsão dos possíveis impactos provocados pela paisagem natural sobre os sinais wireless, assim como simula a capacidade necessária para garantir a prestação ininterrupta de serviços para um certo número de usuários.
Já disponível, a MeshPlanner para Nortel confere facilidade ao projeto de redes mesh, reduzindo-o a apenas algumas simples etapas. Primeiramente, o projetista importa um mapa da localização e identifica as obstruções, como prédios ou árvores, capazes de afetar os sinais wireless. A seguir, são criadas as regiões de usuários finais, estabelecendo as especificações de capacidade, inclusive o número previsto de usuários e o tipo de serviço a ser prestado. O projetista acrescenta, então, os pontos AP na área de serviço e o projeto está pronto para rodar as simulações que visualizam o desempenho da rede e a potência do sinal, garantindo a inexistência de lacunas na cobertura.
Com a MeshPlanner, o projetista pode, em seguida, criar links de trânsito entre os pontos AP da rede mesh e determinar quais destes pontos devem ter acesso cabeado à rede. Para concluir o projeto, o usuário roda uma simulação abrangente, a fim de verificar áreas de cobertura, redundância, especificações de capacidade, links de trânsito e conexões AP. Se algumas exigências do projeto não forem cumpridas, a ferramenta MeshPlanner destaca os pontos AP que devem ser ajustados e as conexões a serem feitas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima