Confiança do pequeno empresário em alta

0
2




 

As expectativas dos empresários de pequenos e médios negócios para o quarto trimestre de 2010 indicam que o otimismo continua alto, segundo o Índice de Confiança de Pequenos e Médios Negócios (IC-PMN), elaborado pela parceria de Insper e Santander. O indicador registrou 75,5 pontos, em uma escala de 0 a 100, ligeiramente acima dos 75,4 da última edição. Este é o valor mais alto já alcançado desde o lançamento do índice, no último trimestre de 2008.

 

Entre os dados que compõem o índice, a confiança em relação ao faturamento obteve a pontuação mais alta (79,8), seguida pela confiança no ramo de atividade (78,3) e no lucro (77,9). Foi observada pequena queda apenas na questão relativa às perspectivas de investimento (-1,75%) para 72,6 pontos. Os demais componentes permaneceram estáveis em relação à pesquisa anterior. “A conjuntura é bastante positiva para todos os setores da economia, inclusive para o de pequena e médias empresas, cujo crédito deve continuar se expandindo”, diz Ramon Camino, diretor executivo do segmento business no Santander.