Cresce uso de banda larga no Brasil

0
0



O uso de banda larga em residências continua crescendo no Brasil. Em junho de 2012, o número de usuários ativos de conexões de mais de 2 Mb chegou a 16,8 milhões, ou 91% mais do que em junho de 2011, segundo o estudo NetSpeed Report, do Ibope Nielsen Online. Comparado ao número de pessoas que usavam conexões mais rápidas no mesmo período do ano passado, isso representa mais 8 milhões de pessoas, segundo a metodologia de aferição de velocidade utilizada pela Nielsen em oito países.

 

Enquanto isso, diminuiu a quantidade de usuários em conexões de menor capacidade. O número dos que usam de até 512 Kb, que era de 10 milhões em junho de 2011, caiu 39%, ou 3,9 milhões de pessoas, e chegou a 6,1 milhões em junho de 2012. Esse número se manteve inalterado nos últimos três meses.

 

Os usuários de mais de 2 Mb são os que ficam mais tempo na frente do computador e os que abrem mais páginas na internet. Eles também já representam 40,5% do total de usuários ativos em domicílios. Só o grupo dos que usam mais de 8 Mb já é de 5,2 milhões de pessoas, ou 12,6%. O total de usuários ativos em domicílios no Brasil foi de 41,5 milhões em junho de 2012, de um universo de 64,9 milhões de pessoas que moram em residências que têm acesso à internet.

 

O total de pessoas com acesso em casa ou no local de trabalho é de 68 milhões, segundo o Ibope Nielsen Online. Dessas pessoas com acesso, 50,5 milhões foram usuários ativos em junho, o que significou diminuição de 0,8% em relação ao mês anterior e crescimento de 11% na comparação com junho de 2011. Já o número total de pessoas com acesso à internet no Brasil em qualquer ambiente (domicílios, trabalho, escolas, lan houses ou outros locais) atingiu 82,4 milhões no primeiro trimestre de 2012.