O canal para quem respira cliente.

Dia das Mães movimenta comércio eletrônico


Especializada em operações logísticas para o comércio eletrônico e outras modalidades de vendas diretas ao consumidor, a Direct Express, empresa de entregas expressas com clientes como Flores Online, Submarino, Americanas.com, está se preparando para atender o aumento de pedidos com a chegada do Dia das Mães. Responsável por uma demanda de mais 3 milhões de pedidos em 2005, a empresa projeta um crescimento de 70% para 2006, o que a levará a realizar cerca de 5 milhões de entregas durante o ano.

As perspectivas não são em vão. De acordo com estimativas da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico – Camara-e.net, em parceria com a consultoria e-bit e o site de pesquisa de preços BuscaPé, só o Dia das Mães deve movimentar R$ 140 milhões, o que representa um crescimento de aproximadamente 50% no setor, em relação a 2005, quando o faturamento foi de R$ 92 milhões.

“Para a data estamos preparando um esquema logístico especial. Cerca de 250 couries estarão trabalhando neste domingo, dia 14. O site Flores Online, um dos clientes com maior movimentação nesta data, passará todos os pedidos para Direct até às 18h de sábado e realizaremos as entregas até o meio-dia do domingo. Calculando os pedidos do sábado e domingo, o número de entregas entre os clientes que atendemos chegará a 15 mil”, afirma o diretor executivo da Direct Express, Luiz Henrique.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Dia das Mães movimenta comércio eletrônico

O Dia das Mães é a segunda data comemorativa do ano que mais movimenta o comércio eletrônico. A influência da data é tamanha que produtos com procura on line inexpressiva ao longo do ano recheiam e modificam a cara da lista dos mais procurados no período que antecede a comemoração.
Este ano os produtos da lista do mais procurados de 2002 sofreram um aumento médio de preços de 15%, em relação ao ano passado. Este aumento pode ser explicado por diversos fatores como inflação, entrada de novas linhas de produtos, entre outros. O maior aumento de preço em relação a 2001 fica por conta dos televisores, devido a inflação dos preços e o aumento da oferta de televisores de tela plana.
Os filhos brasileiros optam pelos produtos mais baratos na hora de comprar o presente. Os três primeiros produtos (CDs, DVDs e Vídeo, e Cestas de Café da Manhã) representam 14% do total das procuras no período e possuem os três menores preços desta mesma lista. E quem optar por CDs e DVDs pode estar fazendo uma boa escolha pois ao contrário da tendência de aumento, o preço destes produtos sofreu uma retração em relação ao ano passado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima