E-commerce se mantém forte

0
2



Se o comércio varejista não está tão otimista em relação ao Dia dos Namorados, o mesmo não se pode dizer do comércio eletrônico. A E-bit, empresa especializada em informações do setor, espera que a data apresente crescimento de 19% em relação ao mesmo período de 2011, alcançando um faturamento de R$ 809,2 milhões.

 

No ano passado, a comemoração foi responsável por alavancar as vendas de “Moda e Acessórios”. “Foi a primeira vez que a categoria ficou entre as cinco mais vendidas”, explica a diretora de negócios da e-bit, Cris Rother. Em 2012, “Moda e Acessórios” continuará no Top 5, juntamente com “Saúde, Beleza e Medicamentos”, “Eletrodomésticos”, “Informática” e “Eletrônicos”. “Flores, Cestas e Presentes” devem ser lembrados devido ao apelo da data. Ainda de acordo com a executiva da e-bit, produtos de maior valor agregado como tablets e smartphones devem ganhar espaço no carrinho virtual dos namorados.