Electrolux adota sistema da J.D. Edwards para integrar processos

0
1

Há dois anos, a Electrolux do Brasil, subsidiária do grupo que lidera a produção e comercialização de eletrodomésticos no mundo, iniciou a implementação das suítes Financeira e Contábil do sistema da J.D. Edwards. Desde então, o custo de operação destas áreas foi reduzido em 40%.

A redução foi apenas uma das vantagens obtidas com a substituição do software BPCS usado anteriormente pela empresa, que apresentava falta de estabilidade e alto custo de manutenção. Segundo Clécio Luiz Chiamulera, CIO da Electrolux para a América do Sul, a adoção do sistema da J.D. Edwards visa melhorar os processos da empresa, reduzir o tempo de atendimento ao cliente, diminuir custos operacionais e possibilitar a operação com estoques menores.

“Procuramos trazer vantagens para nossos negócios, tanto no ambiente interno da empresa quanto no relacionamento externo com clientes e fornecedores”, diz Chiamulera. Atualmente, a Electrolux está iniciando a segunda fase da implementação do sistema. A etapa deverá ser concluída até abril de 2003.

A solução da J.D. Edwards que está sendo implementada na Electrolux é um sistema integrado que possibilita, a partir da coleta de pedidos de clientes e da força de vendas, o planejamento da produção e do faturamento, além do controle de processos como solicitação de compras de materiais, compra efetiva e seu pagamento.

“Realizamos a interligação dos dados da empresa com fornecedores e a contabilização do processo. O sistema atende a toda cadeia de suprimentos e estará ligado a uma solução de gerenciamento do cliente, o CRM”, afirma Chiamulera.