Falta de gestão de negócios leva empresas à falência

0
3

A região metropolitana de Campinas registrou no ano de 2003 um aumento de 9% do número de empresas abertas comparado a 2001. Segundo dados da Associação do Comércio e Indústria de Campinas (ACIC), a indústria gerou 573 novas empresas, 372 foram micro e pequenas empresas. O comércio foi responsável pela geração de 4.233 novas empresas, dessas 3.598 são micro e pequenas empresas, cresceu 9,75%. No setor de serviços foram criadas 2.436 empresas, sendo 1.095 micro e pequenas empresas. Mas esses mesmos dados mostram que mais de 30% dessas empresas fecham nos dois primeiros anos de vida.

Isso se deve a ausência de um crescimento planejado das pequenas e médias empresas e a falta de profissionalização nesse segmento. Segundo pesquisa realizada pelo Sebrae, 74% das empresas paulistas que fecharam nos últimos cinco anos o fizeram por falta de gestão de negócios. Yuri Trafane, diretor da Ynner, empresa de consultoria e treinamento em marketing aponta que as médias e pequenas empresas que não dão atenção à administração profissional tendem ao insucesso. “Hoje as pequenas e médias empresas precisam competir de igual para igual com as grandes, não há lugar para empresas que não se profissionalizarem”.

Economista da ACIC, Laerte Martins, afirma que o consultor é o alicerce para as pequenas e médias empresas. Quando se trata de questões estratégicas ou no desenvolvimento de projetos específicos, o empresário pode contar com a ajuda de profissionais com forte bagagem conceitual e visão concreta da prática empresarial sem ter que pagar pelos seus serviços em tempo integral, mais os encargos e benefícios. Isso acontece através de um consultor em marketing.

O professor Agliberto Alves Cierco, coordenador do curso de pós-graduação de gestão empresarial da Fundação Getúlio Vargas, fala que para uma empresa conseguir ter um bom desempenho sem ter altos custos a solução é contratar um consultor. “O consultor atua como agente facilitador dentro da organização. Ele induz os resultados, auxiliando o proprietário e sua equipe a atingir resultados de forma mais racional e eficaz”, explica Cierco.

“Consultoria é a maneira mais barata para se ter acesso às inovações e expertises de mercado”, explica o sócio-proprietário da rede Gordão Burguês, José Francisco De Sordi. “Muitas vezes você precisa de um especialista em sua empresa, mas não tem como contratar um funcionário em tempo integral. Então, você contrata uma consultoria e ela te ajuda a treinar os funcionários e aumentar o conhecimento dentro de sua empresa em um espaço de tempo muito mais curto”.