O canal para quem respira cliente.

Pesquisar
Close this search box.
Brigette McInnis-Day, diretora de pessoas da UiPath

Funcionários das empresas carecem de orientação e treinamento sobre GenAI

Segundo pesquisa anual da UiPath, colaboradores acreditam que as ferramentas de inteligência artificial generativa têm mais contexto quando combinadas com automação empresarial

Embora a GenAI prometa revolucionar as operações em todos os setores, há uma falta de orientação e treinamento empresarial sobre a tecnologia, o que gera desconfiança nas forças de trabalho globais. Até o momento, menos da metade (45%) dos funcionários receberam treinamento ou diretrizes sobre como usar a GenAI. A conclusão faz parte da “Pesquisa anual Global sobre Trabalhadores do Conhecimento”, elaborada pela UiPath, empresa especializada em software de automação empresarial e IA, mostrando como os funcionários estão usando a IA generativa, as falhas e os riscos da tecnologia e a oportunidade de combinar a GenAI com a automação empresarial. 

Segundo o estudo, apenas 44% dos funcionários acham que a GenAI tem o contexto necessário dos dados de sua empresa para dar suporte aos processos e gerar valor – embora esse número aumente para 85% quando os funcionários usam a GenAI e a automação empresarial juntas. O relatório baseia-se em uma pesquisa com mais de 9.000 trabalhadores de todo o mundo e revelou que os funcionários que usam ferramentas de GenAI estão economizando mais tempo em seu dia de trabalho. Entretanto, aqueles que usam essa tecnologia e a automação empresarial juntas obtêm benefícios muito mais significativos.

Outras conclusões importantes do relatório deste ano são:

A GenAI proporciona benefícios significativos de economia de tempo para os funcionários: quarenta e dois por cento dos entrevistados que implementaram a GenAI economizaram 10 horas ou mais por semana. Ao liberar tempo em seu dia, quase metade dos trabalhadores (48%) conseguiu se concentrar em tarefas mais criativas. Regionalmente, os funcionários de Singapura e Hong Kong obtiveram os maiores benefícios de economia de tempo com a implementação das ferramentas de GenAI.

A combinação da GenAI com a automação empresarial maximiza o valor comercial: quando perguntados se os funcionários perceberam algum benefício com o uso da GenAI e do software de automação empresarial, os entrevistados disseram que obtiveram maior produtividade/ realização mais rápida das tarefas (43%), trabalho mais preciso (39%) e melhor equilíbrio entre vida pessoal e profissional (38%). Quando os trabalhadores usam as tecnologias juntas, 55% economizam mais de 10 horas de trabalho por semana, em comparação com 31% dos que usam apenas a GenAI e 33% dos que usam apenas a automação empresarial.

No entanto, há uma falta de confiança nas ferramentas de GenAI: menos da metade (48%) dos entrevistados disse confiar nos resultados que obtém das ferramentas de GenAI. Regionalmente, o Japão (26%), a Alemanha (47%) e os EUA (48%) são os que menos confiam nos resultados da GenAI, e Singapura (67%), Coreia (63%) e Hong Kong (62%) são os que mais confiam.

A GenAI está sendo aplicada em todos os departamentos e em diversos processos: os tipos mais comuns de tarefas para as quais os funcionários usam a GenAI incluem a elaboração de comunicações (38%), brainstorming (34%) e resumo de conteúdo longo (30%).

Grande oportunidade

“As ferramentas GenAI apresentam uma oportunidade incrível para as organizações aumentarem a produtividade e a eficiência, mas os funcionários devem receber o treinamento adequado e oportunidades de aprimoramento para aproveitar todo o poder dessa tecnologia. A tecnologia também deve ser confiável e prática – e é aí que as plataformas de automação empresarial servem como base fundamental. A combinação dessas duas tecnologias é um diferencial importante para que as empresas maximizem o valor comercial da GenAI e de outros modelos de IA e, ao mesmo tempo, capacitem os funcionários”, comentou Brigette McInnis-Day, diretora de pessoas da UiPath.

A pesquisa da UiPath também revelou que os funcionários estão se sentindo mais esgotados do que nunca, com quase um terço (32%) dos entrevistados se sentindo extremamente ou muito esgotados, em comparação com 29% dos funcionários no ano passado. A GenAI apresenta uma oportunidade de aliviar as tarefas pesadas que contribuem para esse problema; no entanto, as implantações da GenAI só serão bem-sucedidas se os funcionários forem treinados.

Metodologia

Em parceria com a Researchscape, a UiPath conduziu este levantamento por meio de uma pesquisa on-line realizada em março e abril de 2024. A pesquisa contou com 9.047 entrevistados de nove países: Estados Unidos, Austrália, Japão, Singapura, Coreia, Hong Kong, França, Alemanha e Reino Unido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima