Gávea Investimentos moderniza telefonia

0
4



A Gávea Investimentos, gestora de fundos de investimentos independentes (não ligada a bancos), está modernizando os sistemas telefônicos. A companhia acaba de completar a implantação de uma solução centralizada de telefonia IP com plataforma Cisco, que engloba a filial de São Paulo e a matriz no Rio de Janeiro. O projeto foi desenhado e implantado sob a orientação e coordenação técnica da integradora 2S.


O início da implantação do projeto ocorreu em final de 2005, com a inauguração da nova filial da Gávea em São Paulo, processo recentemente concluído com a instalação plena do projeto na matriz carioca, integrando os dois escritórios e demais componentes da infra-estrutura. Essa integração possibilita a total mobilidade dos profissionais entre um escritório e outro, permitindo a captura de todas as chamadas automaticamente, sem utilizar recursos de transferência ou outro tipo de assistência.


Segurança da informação, redução de custos com chamadas de longa distância e a necessidade de mobilidade foram os principais pontos que motivaram a implementação. De acordo com João Batista da Silveira, CFO/COO da Gávea, qualquer problema na comunicação de uma operação financeira tem reflexo no resultado e, por conseqüência, o sistema de telefonia deve ser de ponta, oferecendo recursos extras como, por exemplo, o de gravação das ligações e acesso remoto.


Segundo João Batista, a nova solução de telefonia IP também permitiu aos executivos em viagem ao exterior ou trabalhando à noite em casa, acesso a toda infra-estrutura, inclusive telefonia do escritório, com alta qualidade de comunicação e redução de custos. Os remotos estão utilizando o Cisco IP Communicator (versão em software do Telefone IP) e, por meio de seus PC’s, se conectam ao escritório com tecnologia VPN, integrando canais de voz e dados de forma totalmente segura.


O CFO/COO da Gávea também aponta uma redução de 40% dos custos. Essa economia é estendida para os clientes de São Paulo que ligam para a matriz no Rio de Janeiro e pagam chamada local de São Paulo e vice-versa. De olho no futuro, JB prevê implantar tecnologia IP em todo seu parque de TI e Telecom, buscando a necessária ampliação dos recursos de mobilidade para toda a equipe da Gávea.