Gerenciamento por categorias

0
1

Uma metodologia inédita e detalhada com todas as etapas do processo para a correta aplicação do gerenciamento por categorias, totalmente adequada às necessidades e à realidade dos pequenos e médios varejistas do país. Esse é o principal projeto em desenvolvimento pelo Comitê Gerenciamento por Categorias, da Associação ECR Brasil.
Por meio da metodologia, os comerciantes poderão usufruir dos vários benefícios (aumento das vendas, oferta de solução de compra para o consumidor etc.) proporcionados pela ferramenta do conceito de Resposta Eficiente ao Consumidor (ECR), que consolidou-se no Brasil e no mundo como importante instrumento de geração efetiva de demanda no ponto-de-venda e cuja aplicação vem alterando definitivamente o relacionamento entre indústria, varejo e consumidores. A proposta é que, por meio de exemplos práticos de outras empresas sobre como enfrentaram e superaram suas dificuldades, os médios e pequenos varejistas vejam que a metodologia não é nenhum bicho-de-sete-cabeças e que pode ser aplicada em sua própria loja.
Para definir o passo-a-passo da metodologia, o comitê mudou totalmente o enfoque de suas reuniões mensais, que contam com a participação de dezenas de profissionais da indústria, comércio e serviços. Desde agosto do ano passado, cada reunião teve a apresentação de cases empresariais, que obedeciam a alguns critérios básicos, como a existência de uma parceria entre o varejista e seus fornecedores (principalmente em relação à troca constante de informações e colaboração), mensuração e resultados. Os cases apresentados foram: Johnson&Johnson e Danone com Emporium São Paulo, Kraft Foods, Procter & Gamble com Supermercado Unidão (RS) e Unilever com Rede de supermercados Ricoy (SP).
Os pontos positivos de cada projeto foram posteriormente debatidos entre os participantes e, depois de conhecer como cada varejista enfrentou o desafio de adotar o gerenciamento por categorias, discutiram e avaliaram os métodos, as dificuldades e as soluções encontradas por cada uma das empresas. As melhores práticas adotadas em cada situação e as conclusões dos debates foram utilizadas como referência para a construção da metodologia de gerenciamento por categorias especialmente destinada aos pequenos e médios varejistas. Em breve, o comitê vai iniciar os pilotos em lojas de supermercados, para avaliar e testar a metodologia. Os resultados deles e o conteúdo do trabalho serão apresentados, em junho, em evento especial.