Grandes criativos

0
2
Resultado de uma série de debates mediados pelo publicitário Celso Loducca na Casa do Saber, em São Paulo, a fim de discutir a criatividade, surge o livro Grandes criativos. Na ocasião, ele recebeu oito profissionais de diversas áreas, com o objetivo de refletir sobre o processo criativo de cada um. A relação de entrevistados é composta pelos escritores e roteiristas Alexandre Machado e Marçal Aquino, o chef de cozinha Alex Atala, designer Marcelo Rosenbaum, o artista visual Eduardo Srur, o jornalista Paulo Lima, o diretor e dramaturgo Rodolfo García Vázquez e o compositor Ronaldo Bastos.
Na obra, que é fruto de uma parceria entre Casa do Saber e Papirus Editora, estão registradas as entrevistas na íntegra, além das perguntas feitas pelo público presente no bate-papo. Para Eduardo Srur, a criatividade é imperceptível e natural: “Acho que a criatividade pode ser comparada a uma respiração que, durante o processo de trabalho, vamos esquecendo”. Para Ronaldo Bastos, talvez não exista uma explicação para a criatividade. “Acho que há um dom”, diz. Marçal Aquino, embora não acredite em inspiração, entende que cada um tenha uma tendência para algo que, se descoberto a tempo, possa ser desenvolvido: “O problema é que muitas pessoas passam a vida sem saber direito no que são boas”. 
Ao transitar pelas áreas de gastronomia, teatro, artes plásticas, design, música, jornalismo e literatura, os criativos falam de suas inspirações e trajetórias profissionais. 
Serviço
Grandes criativos
Organização: Celso Loducca
Editora: Papirus
Preço: R$ 77,90
Páginas: 320