iG cria cargo de ombudsman

0
3
O jornalista e professor Mário Vitor Santos será o ombudsman do iG. O profissional já começou a trabalhar na função no dia 4 de junho passado, quando deu início ao planejamento e estruturação do atendimento. Agora, com tudo planejado, Mário já está atendendo os usuários e internautas pelo Blog do Ombudsman (http://ombudsman.blig.ig.com.br) e pelo email [email protected].
O blog analisa a qualidade dos serviços prestados pelo iG de maneira ampla, de acordo com aquilo que o ombudsman considere significativo e relevante. A função ombudsman é independente das demais entidades organizacionais, reportando-se somente ao diretor presidente do Internet Group. O objetivo será identificar tendências, preocupações e problemas sem, no entanto, comprometer a confidencialidade ou anonimato promovendo recomendações para tratá-los.
Para o diretor presidente do iG, Caio Túlio Costa, que também já foi ombudsman, “esta é a melhor maneira que uma empresa tem para dar um tratamento diferenciado e sofisticado aos problemas do consumidor de um serviço ou de um veículo de mídia”. O executivo considera Mário Vitor, pela experiência de três mandatos como ombudsman da Folha, “o profissional mais experimentado do mercado para introduzir esta função na internet”.
Mario Vitor Santos, 52 anos, é formado em Jornalismo pela Universidade Federal Fluminense (1979), mestre em Letras Clássicas pela Universidade de Exeter (Inglaterra) e doutorando pela Universidade de São Paulo. Foi jornalista da Folha de S.Paulo de 1984 a 1999, onde exerceu as funções de redator, editor, diretor da sucursal de Brasília, secretário de Redação, ombudsman, repórter especial, editor da Revista da Folha, entre outras. Foi professor, crítico de teatro e diretor da Casa do Saber.