Mudança na liderança da EY

0
10
A EY, Ernst & Young, anunciou Kelly Grier como nova CEO para Estados Unidos e Américas. A executiva assumirá a posição em 1º de julho de 2018. Ela vai suceder Steve Howe, que ocupa o cargo de CEO da EY para Américas desde 2006, e se aposentará no dia 31 de dezembro de 2018, após 36 anos trabalhos na companhia. A executiva também passará a compor o Comitê Executivo Global na mesma data.
“As Américas são nosso maior mercado e sua base sólida advém da nossa cultura compartilhada e do propósito de construir um mundo de trabalho melhor. Kelly demonstrou integridade e habilidade ao gerenciar equipes de alto desempenho, entregando também resultados excepcionais para os clientes da EY. Estou ansioso para trabalhar próximo a ela e sua equipe, executar nossa estratégia e expandir a atuação da EY nas Américas”, diz Mark Weinberger, CEO e presidente global da EY.
Kelly é atualmente a sócia líder da Região Central dos Estados Unidos, onde focou-se na liderança e crescimento de mercado. Kelly também acumula experiência global, tendo trabalhado na Alemanha e na Suíça, e já ocupou diversos cargos, incluindo vice-presidente da EY das Américas para gestão de talentos e sócia líder do escritório de Chicago. A executiva possui bacharelado em Contabilidade pela Universidade Saint Mary´s College of Notre Dame, em Indiana, e foi membro do Conselho Consultivo Nacional sobre Inovação e Empreendedorismo do Departamento de Comércio dos Estados Unidos. Ela foi ainda reconhecida como uma Jovem Líder pelo Fórum Econômico Mundial.