Mudança no comando da Kimberly-Clark

0
1
A Kimberly-Clark anuncia a saída do atual CEO Brasil, Sérgio Cruz, que após três anos à frente da companhia no País, foi indicado ao cargo de presidente da operação América Latina. Seu sucessor será o uruguaio Gustavo Schmidt, atual CEO Andino. O executivo assume o cargo com o desafio de dar continuidade ao crescimento de dois dígitos que a empresa vem conquistando nos últimos anos, assim como o de mantê-la entre as melhores para se trabalhar no Brasil.
O executivo, que ingressou na Kimberly-Clark Uruguai em 2000 como gerente financeiro, já passou por importantes funções no grupo, como country manager para Uruguai, Paraguai, República Dominicana, Caribe e Argentina. Desde 2014, Gustavo é CEO da região Andina e, durante estes três anos, conquistou um crescimento orgânico de 6% na Bolívia, Peru e Colômbia e 2% incluindo Equador em um contexto macroeconômico e político complexo.