Mudanças na Nissan Latam

0
2
A Nissan anunciou hoje uma série de mudanças de lideranças na América Latina com a intenção de fortalecer e consolidar ainda mais a presença da companhia na região. Desde sua criação, em 2014, a Nissan Latam tem demonstrado avanços em seu objetivo de construir uma base sólida e posicionar-se como a marca Top 3 na região, em longo prazo. Além da Nissan do Brasil, em 2015 duas novas subsidiárias foram lançadas: Argentina e Chile. A Nissan também se prepara para lançar sua nova operação de manufatura na Argentina, em 2018.
“Estas melhorias organizacionais refletem nossos esforços em consolidar a fundação da Nissan na América Latina, com novos ativos e times fortes encarregados de conduzir nossa expansão nas próximas décadas”, disse Jose Valls, chairman da Nissan América Latina. As mudanças são efetivas a partir de hoje, 1º de abril.
Vendas e Marketing
José Roman, atual vice-presidente e diretor geral da Nissan Latinoamérica e Caribe, é nomeado vice-presidente da Nissan América Latina. Roman será o líder regional das operações comerciais da Nissan Argentina, Chile, Brasil e dos importadores independentes. Sob a liderança do executivo, a Nissan tem expandido sua presença na região por meio do estabelecimento de operações diretas no Chile e na Argentina. Anteriormente, ele ocupou o cargo de vice-presidente de vendas da Nissan México. Antes de unir-se á Nissan, ele desempenhou diferentes funções na indústria automotiva em países como Brasil, Colômbia, Equador e Venezuela.
Daniel Pelayo, atual diretor de pós-vendas da Nissan Latinoamérica e Caribe, assumirá a responsabilidade regional de para a América Latina. Jose Vendramini, atual diretor de qualidade ao consumidor e desenvolvimento de rede no Brasil, expandirá suas atividades adquirindo também as responsabilidades de pós-venda no País.
Manufatura e Operações
Hitoshi Mano, atual vice-presidente de manufatura e operações da Nissan Brasil, será promovido a diretor divisional de Monozukuri Latam. Ele será responsável por todas as operações de manufatura da região América Latina, incluindo o Complexo de Resende e o novo projeto de manufatura da Argentina, programado para ser lançado em 2018. Na Nissan desde 1988, Mano ocupou diversos cargos de liderança nas áreas de produção, logística e planejamento corporativo na Europa, Japão e México.
Sergio Casillas, atual diretor de manufatura de planta de Aguascalientes 2, na Nissan México, será promovido diretor de manufatura e operações para o Brasil.
Administração e Finanças
Roberto Delgado, atual vice-presidente de administração e finanças da Nissan América Latina, é nomeado vice-presidente de finanças na Europa e quem assume seu posto será Marco Silva, atual diretor de finanças no Brasil.
Planejamento
Redmer van der Meer, ex-gerente geral da divisão de planejamento da Nissan Europa, foi nomeado vice-presidente de planejamento da Nissan América Latina, que inclui as atividades de planejamento de produto, inteligência de mercado e gerenciamento de programas.