O canal para quem respira cliente.

NCR construirá fábrica no Brasil

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin



A NCR Corporation anunciou, hoje (15/06), que desenvolverá um centro de manufatura, pesquisa e desenvolvimento no Brasil para produzir terminais de autoatendimento (ATMs) para o Brasil, América Latina e Caribe. Esse centro de inovação e fabricação expandirá com o tempo e incluirá tecnologias de autoatendimento para diversos segmentos de mercado. “A nossa decisão estratégica de desenvolver um centro para a tecnologia de autoatendimento no Brasil é mais um passo no nosso compromisso com esse importante mercado. Esse investimento nos colocará mais próximos de nossa meta de nos tornarmos o maior provedor de soluções de autoatendimento no Brasil”, conta Bill Nuti, presidente do conselho e CEO da NCR.

 

O novo centro de inovação criará aproximadamente 250 empregos e possibilitará a entrega de soluções de ponta pela NCR, além de fortalecer a competitividade no Brasil, um dos mercados chave para a estratégia de crescimento da empresa. O Brasil é o terceiro maior mercado de caixas eletrônicos no mundo. A Retail Banking Research projeta um crescimento de 16 por cento até 2012 no mercado brasileiro de ATMs. A produção de ATMs da NCR na região está atualmente terceirizada. A manufatura de ATMs e desenvolvimento de produtos serão transferidos para as novas instalações da NCR com produção projetada para iniciar até dezembro de 2009.

 

A NCR investirá mais de R$ 73 milhões para iniciar as atividades fabris no Brasil. A empresa fabricará NCR SelfServ, nova linha de ATMs, que oferece níveis mais altos de desempenho e disponibilidade. Além disso, a NCR irá desenhar e projetar produtos específicos para satisfazer as necessidades dos clientes no Brasil. As instituições financeiras no Brasil têm grande procura por ATMs e exigem um desenho customizado para oferecerem um diferencial aos clientes. Há também demanda por funcionalidades como identificação biométrica e impressoras de cheques e segurança.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima