O que os brasileiros acham dos bancos?

0
0
Dos brasileiros, seis em cada 10 manifestaram sentimentos positivos em relação aos bancos, segundo dados coletados pelo estudo Report Setorial Bancos 2015, realizado pela Polis Consulting e NetBase durante o mês de janeiro, que revelou um cenário bom para a imagem das principais instituições financeiras em operação no Brasil. Ao todo, foram analisadas mais de 53 mil conversas. “Embora seja um setor delicado do ponto de vista de relacionamento com o cliente, o brasileiro demonstra empatia em relação aos bancos”, diz Ingrid Mantovani, especialista em mídias sociais da Polis Consulting, que dirigiu a pesquisa. “A revelação é amplamente referendada pelo grande número de menções às marcas, foram mais de 126 mil citações em cerca de 117 mil comentários.”
O levantamento acompanhou e analisou as menções a marcas e conversas nas redes sociais sobre sete companhias (Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Citibank, HSBC, Itaú e Santander). Entre outras variáveis, o estudo analisou quesitos como Comportamento, Atributos, Emoções e Paixão em relação a cada uma das marcas. Um dado que chama a atenção é a expressão emocional mais presente em relação às instituições financeiras. A palavra que os consumidores mais usaram é “Amar”. Mas o que os brasileiros amam em seus bancos? Há várias pistas que podem ser inferidas a partir do estudo, mas uma delas talvez venha das expressões relacionadas a Comportamentos levantadas no estudo: as palavras mais repetidas foram “comprar” e “usar”.
Em termos de ranking, o banco mais comentado foi o Itaú, com 37 mil menções, seguido pelo Bradesco, o segundo colocado, com 28 mil citações. Em seguida vêm: Banco do Brasil (25,8 mil), Caixa (16,7 mil), Santander (14 mil), Citibank (7,1 mil) e HSBC (6,2 mil).