Prefeitura de Botucatu terá ouvidoria

0
2



A prefeitura de Botucatu, interior de São Paulo, pretende colocar o serviço de ouvidoria no município dentro dos próximos três meses. A idéia de criar um canal de participação com a população é uma das novidades anunciadas pelo prefeito João Cury (PSDB). O serviço será vinculado à Secretaria de Descentralização. O projeto de implantação está em andamento e terá como responsável Isabel Conte, especializada em administração hospitalar e que atuou durante oito anos na Ouvidoria da Unesp de Botucatu.

 

O serviço funcionará no prédio central da prefeitura e distribuirá as críticas, sugestões e reclamações dos cidadãos às secretarias. A proposta é que a resposta seja concedida em até cinco dias. Em três vilas rurais – as sedes dos subdistritos de Rubião Júnior e Vitoriana e o bairro Santa Cruz da Serra – funcionarão os “balcões de cidadania”, espaços onde será oferecido o serviço, extensão da ouvidoria linkado pela internet. Dentro da cidade, a Vila dos Lavradores e a Cohab 1, terão dois pontos à disposição da população.