Prepara, chegou a hora do Black Friday!

0
0
Em 2013, a Black Friday movimentou, só no e-commerce, R$ 770 milhões segundo o E-bit, e a expectativa para 2014 é bater esse valor em 50%. Porém, será que as lojas virtuais estão preparadas para aproveitar o potencial da data? Mais do que ser uma grande oportunidade, é a chance de se aproximar e fidelizar os clientes. Para o sucesso das empresas, Tárik Potthoff, CEO da Pmweb, oferece algumas dicas de como elas podem ter bons resultados durantes o evento: 
– Aproveite a proximidade da data para captar novos cadastros nas landing pages (páginas de internet que são acessadas quando o usuário clica em resultados de busca ou em anúncios em banners ou links patrocinados), mídias sociais, dispositivos móveis e lojas físicas. O objetivo é estimular que os clientes tenham interesse em se cadastrar para receber e-mail com as promoções da marca;
– Confira os cadastros que a empresa já possui para garantir que o mesmo cliente não receberá mais de uma comunicação com o mesmo conteúdo. Isso evita que seu e-mail seja marcado como spam; 
– Para os clientes que compraram na Black Friday 2013, é importante retomar a comunicação. Você pode enviar um e-mail específico para essas pessoas estimulando a recompra, afinal elas já conhecem os benefícios e as ofertas;
– As áreas de e-commerce e marketing devem monitorar, minuto a minuto, os resultados de visitas e acessos ao site, quantidade de e-mails abertos, interações com o conteúdo do e-mail e erros de entrega (quando o e-mail não chega à caixa de entrada do destinatário). O objetivo é que as falhas sejam corrigidas antes do final da Black Friday e o cliente consiga efetuar a compra com o desconto oferecido;
– Vale a pena também utilizar a data para encadear envios promocionais que não fazem parte da Black Friday para os clientes que a empresa já se relaciona e também para os novos clientes com o objetivo de mantê-los engajados. Oferecer a exclusividade de um cupom com desconto adicional ou com desconto para uma determinada faixa de horário potencializa o relacionamento por e-mail;
– E o mais importante: conheça o ciclo de vida do seu cliente para enviar a mensagem certa, no momento certo, pelo canal certo. Se você souber, com base nas informações que ele já forneceu, qual produto está buscando, por meio de qual canal (e-mail, dispositivo móvel, mídias sociais, site) prefere ser informado sobre as promoções e qual a melhor hora do dia para receber esse conteúdo, a chance de conversão é maior.