Relato transfere servidores para datacenter no Brasil

0
3
Dificuldades para troca de informações, latência no acesso remoto aos servidores e insegurança na continuidade do serviço em casos de imprevistos eram algumas dificuldades que a Relato Informática, produtora de softwares e soluções de Internet para o mercado corporativo, enfrentava com a hospedagem dos servidores em um datacenter nos Estados Unidos. A empresa precisava ter um controle maior dos servidores e acesso físico ao hardware, o que permitiria maior segurança e facilidade de manutenção.
“A necessidade de migração para um datacenter no Brasil foi enfatizada pela reclamação de alguns clientes sobre questões como latência de acesso nas conexões remotas, além de questionamento dos mesmos quanto à confiabilidade desse tipo de serviço”, aponta Haroldo Souza Lontra Jr., diretor de tecnologia da Relato.
Apesar de um acréscimo de 30% no valor de hospedagem, a empresa optou pelos serviços de Co-location da NetStructure, empresa do Grupo Sodic. De acordo com Haroldo, a opção pela empresa se deu após validar tecnicamente a hospedagem em visitas ao datacenter, que demonstrou melhor relação custo-benefício devido ao atendimento técnico. A transferência se deu de forma simples e rápida. “Em apenas 15 minutos, conseguimos migrar todos os servidores da Relato Informática para os nossos datacenters, pois já havíamos planejado toda a infra-estrutura necessária para que não houvesse interrupção no serviço”, afirma Paulo Navarro, gerente geral da NetStructure.
Como resultados do serviço de Co-location, a Relato conseguiu diminuir o tempo de conexão remota em aproximadamente 45%, garantiu mais segurança nas questões de back-up, manutenção e acessibilidade ao hardware, monitoramento dos serviços, atendimento rápido e pró-ativo, além do aumento do SLA.