Retargeting por Facebook é novo trunfo

0
0
As empresas com presença online, geralmente, destinam grande parte de seu investimento em marketing digital. O objetivo para atrair visitantes aos seus sites e transformá-los em potenciais clientes. No entanto, com baixo retorno: apenas 2% dos que acessam realizam compras nas lojas virtuais. A nova tendência é resgatá-los nas redes sociais, por meio de notificação no Facebook, inovando perante a prática comum de recuperar parte dos leads abandonados com retargeting por e-mail marketing (mensagens enviadas aos consumidores, convidando-os a concluírem a compra).
Alguns dos principais e-commerces nacionais já dão a opção para os clientes logarem em seus perfis de Facebook e serem notificados de artigos de interesses na rede social. Dessa forma, aqueles que estão interessados em uma compra, mas abandonaram o carrinho virtual na hora do pagamento por algum motivo, recebem um lembrete para concluir a aquisição com desconto, frete grátis ou alguma outra vantagem. “As redes sociais já são um importante canal para o relacionamento com o cliente, mas as grandes marcas estão descobrindo com a crise que também podem rentabilizar com ferramentas integradas com o Facebook”, ressalta Isaac Ezra, CEO da ShopBack, empresa especializada em retargeting por comportamento e criadora da plataforma ShopSocial.
Ainda segundo ele, as ações pelo Facebook são importantes frentes que o retargeting baseado em Big Data proporciona. Na qual é possível aumentar as vendas em até 35%. “Existem várias formas de abordar o cliente, inclusive no próprio site, com overlays (pop ups) que instigam o senso de urgência do consumidor, mas sempre respeitando sua privacidade, com baixo investimento e risco zero”, completa.