Viajantes brasileiros estão otimistas

0
0
O Brasil é o quarto país do mundo onde os viajantes são mais otimistas em relação à economia, segundo a pesquisa TripBarometer, da TripAdvisor. O estudo releva que 41% dos brasileiros vão gastar mais em suas férias em 2014, enquanto a média global de um orçamento maior para viagens é de 33%. 
“De acordo com os resultados da pesquisa, as viagens estão em ascensão no Brasil. O país ocupa um lugar de destaque em comparação com outros mercados mundiais quando se trata de otimismo em relação à economia, aumentando seus gastos com viagens, mesmo que isso signifique sacrificar gastos em outras áreas. Além disso, os hoteleiros vão continuar investindo para melhorar os seus serviços para viajantes “, diz Blanca Zayas, porta-voz do TripAdvisor no Brasil.
O estudo que revela as principais tendências da indústria de viagens e hospitalidade, foi realizado com mais de 19 mil passageiros e mais de 10 mil hoteleiros em todo o mundo. No Brasil, 890 consumidores e 211 hoteleiros participaram desta pesquisa. 
Mais viagens longas
O Brasil ocupa o primeiro lugar no ranking mundial na intenção de aumentar a frequência de viagens de maior duração em 2014: 50% das pessoas esperam ter férias mais longas e 37% têm planos de fazer mais viagens de curta duração. No mundo, muitos viajantes planejam mais viagens em 2014, 20% com planos para férias curtas e 11% para férias longas.
Crédito está ajudando a financiar viagens
Muitas pessoas irão financiar a totalidade ou parte de suas férias com crédito. As pessoas em mercados emergentes estão mais dispostos a usar o crédito e, no Brasil e na América do Sul, em geral, eles representam 62%. Pontos de vista sobre as perspectivas econômicas refletem a vontade dos  viajantes em usar o crédito, quanto mais otimistas sobre a economia, mais provável o uso para financiar suas viagens.
Hoteleiros estão confiantes 
Os hoteleiros do  Brasil estão entre os 10 mais otimistas do mundo. 74% deles estão muito ou bastante confiantes acerca de suas rentabilidades. Globalmente, o índice de confiança para os próximos anos da indústria hoteleira é mais alto nas Américas, Ásia e África.
No Brasil, 49% dos hoteleiros esperam aumentar as suas tarifas, principalmente para ficar em linha com os concorrentes ou para pagar aumento de despesas gerais. Por outro lado, 41% pretendem manter as taxas estáveis. E 22% dos hoteleiros estão planejando abrir uma nova propriedade no próximo ano, principalmente na América do Sul. Globalmente, Ásia e Europa concentrarão  a maior quantidade de novas aberturas em 2014.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPode acelerar!
Próximo artigoLenovo Brasil anuncia novo COO