Quando cobrar pessoalmente?

0
16
A realização da cobrança pessoalmente anda um pouco esquecida… Atualmente, ela é realizada, principalmente, em casos de dívida de pessoa jurídica, já que muitas vezes o débito é mais alto e enviar um negociador ao vivo compensa para a empresa. Para Francisco Pereira, sócio-proprietário da Agyx Cobranças, tudo depende da situação do devedor. “Leva-se em consideração o valor envolvido, a localização e a evolução da negociação, caso haja pré-disposição da parte devedora para um acordo, agiliza e facilita o fechamento”, afirma.
No ato da cobrança presencial, assim como na cobrança por telefone, o negociador deve estar bem treinado e saber como tratar o cliente, e tomar cuidado para nunca perder o respeito, como afirma Pereira. “Aconselha-se agir naturalmente, evitar embates, demonstrar segurança e dominar a negociação, objetivando a solução dentro das condições exigidas pela empresa credora, determinando prazos e valores a serem negociados. É preciso manter o controle da negociação.”
Além disso, a tecnologia também pode ser grande auxiliadora desses cobradores. Mas segundo Pereira, isso também depende do esforço da empresa em implementar novos aplicativos que podem ajudar na cobrança presencial externa. “Atualmente, muitas ferramentas de buscas oferecidas gratuitamente na Internet facilitam esse processo. Esse tipo de ferramenta depende da disponibilidade e criatividade tanto do cobrador, quanto da gerência”, comenta.