Tecnologia da Serasa Experian no Chile

0
1

A Serasa Experian fechou a primeira parceria para o uso da tecnologia Tallyman, software que agiliza o processo de recuperação de crédito. A solução já garantiu a recuperação de US$ 2,5 bilhões em cerca de 40 empresas em todo o mundo. A Normaliza BCI, subsidiária do Banco de Crédito e Inversiones SA (BCI), do Chile, será a primeira cliente da Serasa Experian na América do Sul.  
A principal diferença do Tallyman para os serviços de recuperação de crédito hoje disponíveis no Brasil é que essa tecnologia, inclui a operacionalização de todo o processo de cobrança. O Tallyman permite segmentar de forma específica os clientes ou consumidores de acordo com o perfil, e determina a prioridade de cobrança e as estratégias mais efetivas: carta, e-mail, MSN, telefone, agências de cobrança, entre outras. Assim, o relacionamento com os clientes que tiveram passagem pela cobrança pode ser aprimorado, e abre assim, futuras oportunidades de vendas para este público. 
O aumento dos níveis de endividamento se apresenta como um desafio que a maioria das empresas são obrigadas a enfrentar, já que é preciso lidar com volumes cada vez maiores e muitas vezes sem investimentos de TI ou recursos operacionais. O Tallyman automatiza a maior parte dos processos usuais da cobrança, recuperando o máximo de receita com o mínimo de intervenção manual. Como resultado, maior eficiência da recuperação do crédito do consumidor com menor custo.
“Não se pode padronizar o comportamento de inadimplentes”, diz Marcelo Kekligian, presidente da unidade de negócios Decision Analytics. “Muitas pessoas deixam de honrar suas dívidas porque não são contatadas de maneira eficaz. É importante ressaltar que, para uma parcela significativa da população, a reabilitação do crédito simplesmente não acontece porque não há abordagem direta”, complementa. Segundo Kekligian, as organizações de crédito chilenas são reconhecidas pela preocupação em recolocar os clientes inadimplentes novamente nos processos de compra.